Olho no retrovisor

Sob calor intenso, o Lebes/Gedore/Canoas entrou em quadra, ontem, com a expectativa de subir até duas posições na tabela da Superliga masculina 2016/17. Contudo, ao perder por 3 sets a 1 para o Vôlei Brasil Kirin, termina a 4ª rodada do returno de olho no retrovisor. As parciais da partida, disputada no ginásio Poliesportivo La Salle, foram de 25/20, 26/24 e 25/27 e 25/21.

Em oitavo lugar, com 17 pontos, a equipe vê outro representante gaúcho, o Bento Vôlei/Isabela, encostar. A equipe da Serra entraria em quadra às 21h30, contra o Sesi, em São Paulo. Em caso de vitória, ultrapassaria os canoenses. Na próxima rodada, o Canoas tem outra parada indigesta: visita o Sada Cruzeiro, líder invicto da competição, quarta-feira, às 20 horas, em Contagem (MG).

O JOGO
À frente do placar até a segunda metade do primeiro set, o Canoas passou a parar no forte bloqueio paulista. No ataque para fora de Giovanni, o Brasil Kirin fechou: 25-20.

Para a segunda parcial, os visitantes comandaram o marcador na maior parte do tempo. Os donos da casa reagiram e buscaram o empate no vigésimo quarto ponto. Mas, no ace de Bruno Temponi, veio o balde de água fria e mais um set perdido: 26-24.

O time treinado por Marcelo Fronckowiak reagiu no terceiro set. Depois de salvar dois match points, virou a parcial e fechou em 27-25 no ace de Alisson Melo.

Mas, o time de Campinas provou que não queria deixar escapar o segundo lugar na tabela. Rivaldo atacou pela ponta e fechou o set em 25/21 e o jogo em 3 sets a 1.

Adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *