Canoas Vôlei busca afirmação com elenco renovado

APRESENTAÇÃO: ato oficial abriu a temporada 2013/2014 do Canoas no La Sall

APRESENTAÇÃO: ato oficial abriu a temporada 2013/2014 do Canoas no La Salle. Foto: Paulo Pires/GES

A temporada 2013/2014 do Canoas Vôlei foi aberta ontem à tarde, com a apresentação oficial do elenco de jogadores e comissão técnica que representarão a cidade no Campeonato Gaúcho e Superliga. Considerada a revelação da última edição do torneio mais importante do voleibol nacional, a equipe treinada por Paulão buscará repetir o mesmo desempenho e, se possível, chegar mais perto do título – na edição anterior ficou em 6º lugar. Os 14 jogadores – oito remanescentes e seis contratados -, com exceção de Luan e Enrico, que estão com a Seleção Brasileira Juvenil, foram apresentados, bem como a comissão técnica formada por oito profissionais. 

“Nosso desafio agora é maior ainda. Todos virão até Canoas pensando em enfrentar uma pedreira, portanto, contamos com o apoio da torcida. Determinação dentro da quadra não irá faltar”, destacou Paulão. Almir Beltrame, diretor executivo da Associação dos Pais e Amigos do Voleibol (Apav), enfatizou que o grupo de jogadores foi montado de forma criteriosa. “Escolhemos a dedo cada atleta pensando na união do grupo. Acertamos em cheio quando escolhemos Canoas como sede e o La Salle como casa”, colocou.

A palavra de quem permaneceu

Remanescente e principal destaque do Canoas, o central Gustavo Endres aposta em uma temporada ainda melhor que a anterior. “Nossa responsabilidade aumento, mantivemos a base e trouxemos novidades que irão agregar qualidade ao time”, comentou. O capitão sublinhou as chegadas do levantador Murilo, do ponta Bruno Temponi e do central Giovanni, ressaltando a juventude do primeiro, as boas passagens do segundo por equipes grandes e a força no saque, ataque e bloqueio do terceiro. “Ainda devemos trazer mais um ou dois nomes para reforçar o elenco. Só o tempo irá dizer se esse time pode superar o da temporada passada”, finalizou.

A visão dos que estão chegando

Gaúcho de Porto Alegre, o levantador Murilo Radke, 24 anos, disputou a última Superliga pelo Campinas. Ele garante que o tempo fora do Estado garantiu a ele a experiência que lhe faltava. “Não pensei duas vezes quando convidado a jogar no Canoas. Muitos bons jogadores foram contratados e acredito que só tenho a ajudar”, disse. Já o central Giovanni, destaque do Volta Redonda, conta que a filosofia de trabalho do time canoense o motivaram a acertar com o clube. “Todos aqui buscam a amizade dentro e fora da quadra. Isso é fundamental”, argumentou o jogador de 2,01m.

Adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *